[voltar]

Orquestra

Projeto FUIM

Numa parceria com o Grêmio Literário Tristão de Ataíde (GLTA) e a EMTERPEL, a Fundação Sorria iniciou, em setembro de 2007, um projeto de musicalização dirigido às crianças integrantes de seu programa comunitário, com a finalidade de desenvolver a capacidade criativa através da música, para formação de uma orquestra de flautas. O projeto teve a coordenação do professor Marcio Lima, flautista, professor e regente, formado em Licenciatura em Educação Musical na UFOP, em 2003, e também musico da Orquestra Ouro Preto. As diversas propostas do Projeto incluíam o aprendizado de um instrumento (flauta doce), a prática em conjunto (percussão), o aprendizado da teoria musical e vivência de apreciação musical. Em 2010 a empresa SAMARCO continuou essa parceria com a Fundação por mais um ano, modificando o nome do projeto para Despertar, mas mantendo as mesmas características do trabalho e também as atividades para despertar os jovens para essa “educação musical”. Neste projeto, tratou-se a vivência instrumental como complemento da formação educativo-cultural das crianças envolvidas, sem abrir mão de pretender vocacionar os que, quer por dom, quer por esforço, desejassem fazer da música sua profissão. A área de atuação do projeto abrangeu Ouro Preto, Cachoeira do Campo e Santo Antônio do Leite. Este belíssimo projeto da Fundação Sorria infelizmente teve que ser interrompido devido à falta de recursos da instituição para mantê-lo. Se você se interessou pelo projeto e pelos benefícios e mudanças que ele trouxe e ainda pode trazer para as crianças de nossa comunidade, entre em contato conosco para nos fazer uma doação, se oferecer para trabalho voluntário ou trazer novas ideias que possam proporcionar às nossas crianças novamente essa prática musical em seu dia-a-dia.


Créditos | Desenvolvido por www.masterix.com.br